A ditadura da imoralidade 04: AS MUI AMIGAS MULTINACIONAIS.


Não mais me contenho, dizer-lhes eu venho
Como uso com empenho o dinheiro que tenho:
Comprar, comprar, comprar, comprar,
Comprar, comprar, comprar, comprar...
-exaco, Oli-etti, Esso---ell, Atlan-ic,
Que chique, que chique, estou podre de chique.

Troquei a mobília, vesti a família,
Passeei em Brasília, casei minha filha.
Comprar, comprar, comprar, comprar,
Comprar, comprar, comprar, comprar...
-olkswagen, -ord, -norr, Ishikawa-ima,
Por cima, por cima, estou sempre por cima.

O carro também, (o do ano que vem),
Quando a gente tem, se sente tão bem...
Comprar, comprar, comprar, comprar,
Comprar, comprar, comprar, comprar...
-erox, Ya-aha, -argill, -ocacola,
A sacola, a sacola, é encher a sacola.

A loura platina, importados da China,
Jasmim na latrina, esvaziar a vitrina.
Comprar, comprar, comprar, comprar,
Comprar, comprar, comprar, comprar...
--evrolet, -irelli, -odak, I-T,
Pra você, pra você, só pensando em você.

Tristeza embrulhada, alegria ensacada,
Arte empacotada, vida engarrafada.
Comprar, comprar, comprar, comprar,
Comprar, comprar, comprar, comprar...
A Anderson --ayton, -ood Year, King Size,
E nada de entrada, em prestações mensais.

Curitiba, setembro.1976.